terça-feira, 30 de setembro de 2008

Óculos.

Hoje eu fui pegar o meu óculos novo, já que meu grau aumentou e eu tchipo quase cega (zagero, ok).

puta. Até agora não consegui me adaptar com esse troço. achando que o cara da ótica tava querendo me sacanear e fez um óculos com 30 graus em cada lente. Se eu ficar mais cega ainda, vou voltar lá e metralhar todo mundo - incluindo o puto do oftamologista, que vai ver botou o grau errado (é um complô, gente, eu sei).

Essa coisa de óculos novo me fez entrar em elucubrações profundas sobre os meus - agora - quase dois graus de miopia (sem contar os de astigmatismo, que nem conta mesmo). Tava pensando na minha vida sem miopia. Tipo se eu operasse. Ok, o grau é baixinho, nem rola operação. Mas se de repente aparecesse uma fada e me deixasse enxergando pra caramba. Ou até se eu passasse a usar lente de contato, vai.

Engraçado que a ideia me deixou meio desesperada. Te juro; acho que gosto de não enxergar muito bem de vez em quando. Tem coisas que só um míope pode ver. A maioria das coisas fica mais bonita - ou menos feia - com uns graus de miopia. Inclusive eu. Aliás, deve ser por isso que eu me acho tão baranga de óculos.:F

Além do que, acho que ver as coisas de maneira menos nítida me deixa mais voltada para o meu self-inner-I. Você abstrai o mundo e fica lá, viajando na maionese. É bom poder tirar os óculos.

Naquele filme, Janela da Alma, tem um depoimento do Win Wenders (diretor de cinema xarope) que eu achei super legal quando ouvi. Ele diz que não gosta de lente de contato porque gosta de ver com as molduras dos óculos - gosta de ver com restrição. Concordei na hora. Sim, doeu, mas eu concordei com o Win.

Leitor, não é despeito. Não é fuga da realidade. Não é complexo de Édipo. Não são tendências psicopatas. Vai ver é só costume, mesmo.:T

7 comentários:

Ella... disse...

"Se tô alegre eu ponho os óculos
e vejo tudo bem
Mas se estou triste eu tiro os óculos
eu não vejo ninguém..."
Às vezes é bom mesmo vez o mundo com algumas limitações. Opinião de uma míope com 3,5 graus e pensando há dois anos se tira ou não de vez as armações que a disfarçam para enfrentar mundo.
Muito bom o texto.
Bjo

Sou uma Banana Rosada disse...

Complexo de édipo foi otimo mesmo...!!

Eu tb nao enchergo mto bem, mas é ótimo isso, pois tem coisa que é melhor a gente morrer sem ver mesmo...
Beijo,outro,tchau

Varda disse...

uahua,eu sei o q vc tá sentindo..uahua eu tbm aumentei meu grau e foi mttt difícil acostumar

p.s:e eu concordo com o Win!!
o/
;**

Fabrón disse...

Grandes Bosta!!

Simpatia pra vc.

Fabrón disse...

http://br.youtube.com/watch?v=8153wVdW1Qg&feature=related

divirta-se

Jaque disse...

Eu troquei meu óculos tb. Fiquei uns 3 meses sem usar e agora vejo o mundo sob um novo olhar lisérgico. Menina, como a miopia tira as cores de tudo né, odilho!
Bjo pra vc

Daniel disse...

Te entendo, tenho o q chamam de vista preguiçosa, já que nasci com miopia em UM olho só, meu cérebro resolveu ignorar este e trabalhar só o outro, portanto qdo fecho o olho bom, só enxergo borrados e td meio granulado, mto pior q miopia.
Aí qdo eu quero me abstrair do mundo(por mundo, entenda "aula às 8h da madrugada"), fecho o olho bom e fico tampando e destampando os ouvidos bem rápido. Parece q eu estou em alguma cena déjà vu de algum filme experimental barato.