segunda-feira, 24 de novembro de 2008

Nica Bad e sua turma

Pessoal, peço desculpas. Não sei desenhar, não sou cartunista e as minhas piadas são tenebrosas. Não saber desenhar, aliás, é uma das minhas maiores frustrações - comassim, logo eu, filha de artista plástica com desenhista industrial! Mas a cena representada na tirinha abaixo é verídica e, na minha cabeça, precisava virar uma tirinha. Malz aê, gente. Isso não vai se repetir. Er... acho.
(Clica na imagem que você vai pra um álbum esquisito onde poderá ampliar a imagem, porque depois de 3 horas não consegui descobrir como armezenar imagens no Blogger! - editado: consegui!).

Aaahh, a propósito, algumas celebridades fizeram um vídeo em resposta ao meu último post. Justo, muito justo. Assiste aê!

video

domingo, 2 de novembro de 2008

Modelo que come pedra

Então, caríssimos.

Esta semana, além de machucar os dedos demais, também fiz outras coisas. Uma delas foi um quarto furo na orelha esquerda. Pra quê um quarto furo, vocês me perguntariam? Não sei, meus amigos. Deve ser tédio. Eu sei que o bichinho inflamou, minha orelha inchou e eu estou o próprio Dumbo.

Mas eu juro que não vim falar da minha orelha. Chega de falar das minhas perebas, please.

Esta semana, além de me emperebar toda, fui parar de gaiata num evento de gente chique e famosa com um amigo queridíssimo. Eu juro, só queríamos ir ao cinema ver o filme do Al Pacino. Mas acabamos de gaiatos numa première. Uh-uh.

Na première, tinha vários famosos e tal, e um deles era uma modelo/atriz famosééésima chiquerééésima altééésima magrééésima linda pra caralhéééésima, com 300 fotógrafos em cima se estapiando pra fotografar, linda, maravilhosa, deslumbrante, impecável, um luxo, meo deos, tudo o que você queria ser Barbie.

Foi aí que começaram as minhas elucubrações, né. Essas mulheres, minha gente, pra começar, não são mulheres de verdade, vocês sabem. Elas não suam, não peidam, não machucam os dedos, não ficam com o pé meio sujinho quando usam sandália baixa. Estão muito, muito acima de todos nós, mortais. E a minha teoria é a seguinte: essas mulheres não têm cu. Falei, pronto.

Sim, porque pra ser superior, superior de verdade, não pode ter cu que nem todo mundo. Esse orifício é aquilo que iguala todos nós mortais, e diferencia essas "mulheres" superiores. Mas é claro. O que as distinguem dos outros mortais não é a beleza ou a elegância, mas justamente a ausência do fiofó. As pessoas sentem de longe essa ausência, mesmo sem saber exatamente do que se trata, e reverenciam esses seres desprovidos daquilo que há de mais imundo, baixo, grotesco, e, portanto, humano em todos nós.

Aqui vai uma listinha de representantes dessa raça superior: Nicole Kidman, Anjelina Jolie, Isabeli Fontana, Audrey Hepburn... me ajuda a completar aê.

P.S.: A Gisele tem cu, sim. Ela é legal.
P.S.2: Comentário da minha amiga Isabel sobre a minha teoria: "Foi a coisa mais idiota que eu já ouvi". Concordo com você, Belzita.